Território da Memória Butantã: Ponto de Economia Solidária e Cultura do Butantã – Dia 21/09/2019 – Veja a programação!

Postado por Toque Clóvis Ribeiro em 16/set/2019


Território da Memória Butantã

Ponto de Economia Solidária e Cultura do Butantã

Programação:

9 às 9:30: Abertura / Café colaborativo

9:30 às 10: 30: Roda de conversa “Por direitos humanos para todas as pessoas”
Objetivos
1 – Apresentar o diferencial do trabalho de identificação de corpos realizado pelo CAAF – Centro de Antropologia e Arqueologia Forense
2 – Trazer informações sobre os desmontes dos Direitos Humanos no atual governo
Participantes: Peritas do CAAF e Lucas Paolo Vilalta (Instituto Vladimir Herzog)

Nenhuma descrição de foto disponível.

10:30 às 12:30: Roda de Conversa “Movimentos de resistência à violação de direitos no Butantã”
Objetivos
recuperar a memória da violência na história da formação do povo brasileiro e da democracia nunca vivenciada pelas periferias.
dar visibilidade às narrativas de resistência dos movimentos sociais do Butantã
Temas
Genocídio: representante da Rede de Proteção e Resistência ao Genocídio
Militância política: Michel Labaki, militante do PT, Diretor de Administração e Finanças da Finep durante o primeiro mandato do Lula / Laís Machado, participante do Filh@s & Net@s SP – DH, Memória, Verdade e Justiça
Saúde mental: Risonete Fernandes, participante dos grupos gestores do CAPS Butantã e Ponto Butantã de Economia Solidária
Criança e Adolescente: representante do FOCA-Bt – Fórum Criança e Adolescente do Butantã
Mediação: Tâmara Pacheco, da Rede de Proteção e Resistência ao Genocídio e Rede Quilombação

Nenhuma descrição de foto disponível.

12:30 às 13:30: Almoço

13:30 às 14:30: Oficina sobre Memória – lugares, luto e lutas, com Luiz Galeão, Prof Psicologia Social USP

14:30 às 17:00: Caminhada artística-cultural
Cadê? Intervenção artística, criação de Cássia Aranha: vídeo-performance e colagem de cartazes lambe-lambe com fotos de presos políticos, publicados no Relatório da Comissão da Verdade, em postes próximos de lugares de memória da região e compartilhados no Google Maps
Sarau militante com Júlio Militante, da Rede de Proteção e Resistência ao Genocídio: microfone aberto à população e caixa de som, nos mesmos lugares de memória e resistência onde forem colados os lambe-lambes.

Exposição fixa numa das paredes do Ponto Butantã, durante todo o Encontro: Cartografia Social Interdisciplinar – parceria entre o Projeto do Programa Aprender com a Comunidade da Pró-Reitoria de graduação da USP e o Ponto Butantã de Economia Solidária.

Parcerias: Projeto Trecho 2.8 – criação e pesquisa em comunicação / Ponto Butantã de Economia Solidária/ Rede de Proteção e Resistência ao Genocídio / Rede Butantã /FOCA Butantã / Projeto do Programa Aprender com a Comunidade da Pró-Reitoria de graduação da USP / Prof Jefferson Santana, da EE José Geraldo / Rachel Moreno/ Rádio Cidadã FM 87,5 A Voz do Butantã.

https://www.facebook.com/pontoecosolbutanta/?epa=SEARCH_BOX

Publicado por Ponto De Economia Solidária e Cultura Do Butantã em Sexta-feira, 13 de setembro de 2019

 

Dica da Rachel Moreno

Toque de Clovis Ribeiro

Rádio Cidadã FM 87,5

A Voz do Butantã

Nenhuma descrição de foto disponível.

Nossa Agenda